Menu

5 filmes capazes de inspirar

Autor: Bianca Franzini

5 filmes capazes de inspirar

 

Quem não gosta de assistir a um bom filme? Seja no Netflix, no cinema ou mesmo na TV aberta, a sessão pipoca é um delicioso passatempo que muita gente não abre mão. Comédia, romance, ação, drama, suspense, terror, aventura. Não importa. São muitos gêneros e histórias envolventes. Muitas delas com aquele gostinho de ‘quero mais’ no momento dos créditos. E que tal se, além de duas horas de diversão e entretenimento, ele puder trazer consigo uma bela lição de vida?

Doação de livros: esqueça um livro por aí!

Você se lembra daquele filme que assistiu há anos de forma descompromissada, sem expectativas, mas que em 5 minutos foi capaz de fisgar a sua atenção de tal forma que você simplesmente não conseguiu se levantar do sofá? Muitas vezes eles têm esse perfil discreto e captam o interesse do público de mansinho. E o expectador se apaixona por completo pela história, pelos personagens e, é claro, pela mensagem que aquela obra foi capaz de expressar.

É o caso, por exemplo, do longa “À procura da felicidade” em que Will Smith interpreta um pai de família com sérios problemas financeiros, mas com amor e coragem de sobra pra fazer o que for preciso por seu filho. Ou do chamado “À prova de fogo” onde o personagem principal é um bombeiro que luta não apenas contra incêndios, mas principalmente contra os desafios de manter um relacionamento feliz e saudável com a sua esposa, por quem é perdidamente apaixonado.

Quais são os tipos de instituições sociais no Brasil?

Outro exemplo é “Questão de tempo”, onde o personagem Tim descobre que é capaz de viajar no tempo e percebe que qualquer decisão tomada (no presente ou no passado), pode mudar por completo o rumo de sua vida.

“Corajosos” é mais um filme que merece ser citado. Nele, 3 policiais descobrem em meio aos conflitos do dia a dia o poder da amizade, do companheirismo, do amor e da fé.

Caridade: Seja a mudança que você quer ver no mundo

Por último, mas não menos importante, “Que horas ela volta”. Nesse drama, Regina Casé interpreta a pernambucana Val, que recebe sua filha na casa dos patrões (após 13 anos sem vê-la), para que ela possa prestar o vestibular. Bastam alguns dias de convivência para que estereótipos e paradigmas sejam quebrados em vários cenários simultâneos.
Se você ainda não assistiu a esses filmes, prepare a pipoca, o guaraná e inspire-se! Grandes lições de vida te aguardam no próximo fim de semana. Aproveite!

  • diego

    Todos esses filmes são muito bons!